Escolha tomar decisões, por você!

A vida nem sempre está exatamente do jeito que gostaríamos que ela estivesse e muitas coisas fogem do nosso controle, simplesmente não podemos modificar ou interferir. Mas uma das únicas coisas que temos controle nesse mundo, ou que deveríamos ter, são nossas próprias escolhas e isso inclui o fato de escolher cuidar de nós mesmas, afinal não há outra pessoa que possa fazer isso no nosso lugar. Por isso o simples fato de tomar decisões, pensando em nós mesmas pode fazer diferença na nossa rotina.
Cuidar por completo e com todo amor que merecemos: cuidar da alimentação, cuidar do corpo e cuidar da alma.
  • A alimentação é o momento que oferecemos ao nosso organismo a maioria das coisas que ele precisa para funcionar bem, portanto escolher se encher de substâncias artificiais e químicas tem um risco que não pode ser negado, mas podemos também escolher experimentar uma reeducação alimentar ao invés de esperar o corpo apresentar sintomas e recorrer aos remédios.
  • Quando eu me refiro a “cuidar do corpo” não estou dizendo que ele deve ser sarado, aliás corpo sarado nem sempre é sinônimo de saúde e escolher cuidar do corpo é coloca-lo em movimento, de preferência numa atividade que também seja prazeirosa e não é difícil escolher uma diante de tantas opções.
  • Cuidar da alma pode nos levar a um mergulho dentro de nós mesmas, pois para direcionar nossas escolhas devemos respeitar nossas vontades, nossos valores e buscar o que realmente nos agrada e não o que agrada ao outro. Se você está insatisfeita com o seu corpo pare e pense que ele é EXATAMENTE o resultado das suas escolhas, quando começar a fazer escolhas diferentes, vai perceber pequenas mudanças e com o tempo tudo se encaixa perfeitamente na nossa nova rotina.
Um conselho que te dou é que comece pela alma, pois sua auto-estima não deve depender APENAS da imagem que vê no espelho, afinal você não se resume a isso! Certamente tem valores, qualidades, virtudes e princípios que a fazem maravilhosa e o corpo é apenas um complemento. O seu relacionamento por exemplo pode ser afetado pela insatisfação que sente com o seu corpo, mas você já parou pra pensar que poderia ser diferente?! Ao inves de se agarrar à insatisfação que esta sentindo com a sua imagem, agarre-se aos milhares de motivos que existem na sua vida para ter alegria de viver e vamos combinar que nem o seu parceiro, nem ninguém tem nada a ver com isso e “descontar” a insatisfação nas pessoas que amamos é a pior das escolhas.

Deixe um comentário

Navigate