Quando decidi que queria engravidar

Quando decidi que queria engravidar, na verdade decidimos porque essa conversa ia e vinha quando estava com meu marido, tratei logo de conversar com quem cuidava da minha saúde. Mas vou voltar um pouquinho no tempo, quando decidi no primeiro semestre de 2014 que não usaria mais pílula anticoncepcional; os malefícios são muitos e minha principal indicação era ter um método contraceptivo (ok, minha pele do rosto ficava ótima usando a pílula rsrs, mas estética está bem abaixo de saúde na minha lista de prioridades então… paciência né?!) e como existem outros métodos com a mesma finalidade, aboli a pílula da minha vida com aquele sentimento de “meu Deus, jamais deveria ter usado isso, que arrependimento” e no final de 2014 coloquei o DIU de cobre, super apoiada pela minha médica Dra Catarina que me atendia quando morava no Rio (se for do interesse de vocês, conto sobre minha experiência com com o DIU).

Voltando ao assunto, decidimos (eu e meu marido) que eu ia tirar o DIU. Como essa conversa já vinha sendo enamorada por nós aproveitei para contar para minha nutricionista e para minha médica nutróloga e elas já trataram de suplementar algumas coisas que precisava e me orientaram a continuar com a alimentação e suplementação bem natural, com a menor quantidade de aditivos químicos possíveis, etc. Tirei o DIU com minha médica Dra Marcela que me atende em Niterói e cheguei em casa com um frio na barriga, olhava pro meu marido e começava a rir, aquela ansiedade de poder engravidar a qualquer mês era muito nova para mim.

Logo em seguida começamos a obra no apartamento que iríamos nos mudar (quero inclusive fazer um post sobre isso), milhões de imprevistos e coisas para resolver, estava trabalhando muito na época, mudamos de apartamento, passei por muitas faxinas nessa fase rsrs, perdemos um amigo querido que gerou um período de dor grande e tudo isso tirou nosso foco, afinal durante o período que pode ser fértil e o período fértil recomenda-se fazer sexo dia sim, dia não!

No primeiro mês de tranquilidade e bem quando estávamos comemorando 2 anos de casados (em 03.10.17)… PIMBA! Foi! Veio acompanhado de um pressentimento tão forte que antes mesmo do meu próximo ciclo menstrual eu ficava tentando disfarçar dentro de mim que pudesse estar grávida, não queria sentir-me frustrada caso não estivesse mas aquele pressentimento me perseguia sabe?!

Resumindo, não há nada melhor que saúde em dia, estresse em baixa, tranquilidade e distração para a cabeça quando se tenta engravidar. Bitolar no assunto e sair perguntando para Deus e o mundo quanto tempo demorou para engravidar é uma furada. Relaxe e namore muito, na hora certa vai acontecer.

 

2 Comments

  1. Fernanda Fernandes Reply

    Maira, bom dia!

    Estou tentando contato com vc há séculos … kkkkk
    Mandei um box no seu insta, mas n viu😟
    Te admiro muitoooo, e gostaria de saber mais sobre como foi ser paciente do dr. Bruno, como o conheceu, como ele é …
    Enfiim, desejo engravidar e gostaria muito de saber, pois estou pesquisando médicos e não gosto de nenhum!

    De puder, me responda pois estou desesperadaaaaa!

    • Maíra Tavares
      Maíra Tavares Reply

      Fernanda querida não há motivos para desespero quando o assunto é o mais maravilhoso possível, mantenha a calma rsrs (os directs do instagram se acumulam pois com Davi pequeno eu não dou conta de responder todos). Em relação ao trabalho do dr Bruno não há o que acrescentar, tudo que escrevi sobre ele nos vários posts que fiz no instagram foi extremamente verdadeiro, com a mesma sinceridade que sempre escrevo quando falo de algum profissional que recomendo. Beijos e boa sorte 🙂

Deixe um comentário

Navigate